16 de setembro de 2021

Morgan Stanley reconhece impotância de um time de research para cripto e faz novas contratações

Shah será a analista-chefe e sua equipe pesquisará o impacto das criptomoedas nas ações e na renda fixa em todo o mundo, de acordo com a Revista Bloomberg. Ela continuará  em Londres e se reportará globalmente a James Faucette e localmente a Adam Wood, que lidera as equipes de pesquisa de fintech e pagamentos do Morgan Stanley  na Europa.

 

“O lançamento de um time de research de cripto  é um reconhecimento da importância crescente das criptomoedas e outros ativos digitais nos mercados globais”, disseram David Adelman, Juliet Estridge e Vishy Tirupattur do Morgan Stanley no memorando.

 

A mudança ocorre em um momento em que os maiores bancos do país procuram cada vez mais maneiras de se expandir para o mundo das criptomoedas. O Bank of America Corp. criou sua própria equipe de research de criptomoedas no início deste ano, enquanto o JPMorgan Chase & Co. e o Goldman Sachs Group Inc. começaram a oferecer negociação de criptomoedas.

 

Shah é atualmente chefe da estratégia de câmbio estrangeiro e já contribuiu para a pesquisa que o Morgan Stanley fez sobre criptomoedas até agora, de acordo com o memorando.